Confiança da construção avança em junho, nota FGV

O Índice de Confiança da Construção (ICST), da Fundação Getulio Vargas (FGV), registrou alta em junho, a primeira variação positiva do indicador desde dezembro de 2018. Com elevação de 2,1 pontos, o indicador passou para 82,8 pontos, após ter recuado 1,8 ponto em maio. Em médias móveis trimestrais, o ICST se manteve relativamente estável, ao variar 0,1 ponto, após três meses de queda.

A alta do índice em junho deveu-se tanto à melhora da situação corrente das empresas quanto às perspectivas de curto prazo do empresariado. O Índice da Situação Atual (ISA-CST) avançou 1,2 ponto, atingindo 73,6 pontos. 

Por sua vez, o Índice de Expectativas (IE-CST) subiu 3,1 pontos, chegando a 92,5 pontos. Os dois quesitos deste índice contribuíram positivamente para o resultado – o indicador de demanda prevista nos próximos três meses e o indicador de tendência dos negócios nos próximos seis meses.

A FGV mostrou ainda que o Nível de Utilização da Capacidade (Nuci) do setor teve alta de 2 pontos percentuais, para 68,3% em junho, o maior patamar desde novembro de 2015 (68,8%).

“A confiança do empresário da construção vem oscilando bastante desde janeiro, refletindo o ambiente de incertezas elevadas para o investimento. O semestre termina com uma melhora significativa dos indicadores, mas que não repõe as perdas dos últimos meses. Assim, a percepção dominante é que ao longo do semestre a atividade encolheu e aumentou o pessimismo”, diz Ana Maria Castelo, coordenadora de Projetos da Construção da FGV.

Notícia do Valor Econômico, republicada pelo Instituto Aço Brasil em:
http://www.acobrasil.org.br/site2015/noticia_interna.asp?id=14579

Faça seu comentário

Copyright @ 2019 Sirius Metais - Política de Privacidade | Mapa do Site | Catálogo Virtual

Agência FG - Uma Agência Full Service que Faz Acontecer!