Workshop em Minas Gerais discute o uso do aço em pontes e viadutos

Uma iniciativa da Usiminas na cidade de Minas Gerais durante essa semana reuniu cerca de 50 profissionais de 17 empresas para debater, em um workshop, o uso do aço em projetos de infraestrutura no Brasil.

 

O Diretor Executivo da Usiminas Mecânica, Heitor Takari, abordou durante o evento que o Brasil tem grande potencial para esse tipo de obra com o uso do aço.

 

Para se ter ideia, nos EUA, por exemplo, cerca de 35% das pontes foram construídas com aço. Já no Brasil o número ainda engatinha. Apenas 2% do total de pontes no país.

the Waibaidu bridge in Shanghai,China.

“Nosso propósito maior é disseminar em todos os níveis do mercado, que as soluções em aço são aplicáveis não somente para projetos complexos e de grande envergadura, mas também para aqueles projetos menores com volume e repetitividade, e buscar quebrar o paradigma de que construir em aço é sempre mais caro”, disse Takari.

 

Ele também destacou o problema cultura e educacional, fatores influenciadores diretos para o não uso do aço como prioridade no Brasil.

 

“Desde a universidade os profissionais acabam sendo guiados para trabalhar apenas com concreto”, completou Takari.

 

O evento teve resultados positivos e deve voltar a acontecer. Desta vez, porém, em outras cidades também, como São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Brasília.

Faça seu comentário

Copyright @ 2018 Sirius Metais - Política de Privacidade | Mapa do Site | Catálogo Virtual

Agência FG - Uma Agência Full Service que Faz Acontecer!