Exportação de aço na China fecha 2016 em baixa

Ao contrário de 2015, quando a indústria de aço chinesa bateu recorde de exportação, em 2016 o país fechou o ano em queda nas exportações globais de aço.

Imprimir

Dados da agência Reuters mostraram que o aço chinês exportado no ano passado foi de 108,46 milhões de toneladas, menor que o recorde de 2015, quando a indústria atingiu 112,4 milhões de toneladas de exportação desse material.

 

Já há, inclusive, estudos de analistas que apontam um 2017 com ainda menos exportações do aço chinês. Isso acontece devido a demanda doméstica do país que cresceu e, também, pela determinação da capital Pequim de combater o excesso de capacidade de produção.

 

O mercado internacional comemora essa queda, até porque luta há algum tempo para impedir que o aço chinês domine o cenário mundial. Apesar disso, a queda na exportação chinesa não é considerada suficiente para equilibrar esse cenário.

 

A Associação das Nações do Sudeste Asiático (ASEAN), por meio de seu Vice-Presidente Roberto Cola, comemorou. “É um alívio para os produtores de aço em todo o mundo, especialmente na ASEAN”, informou.

 

Faça seu comentário

Copyright @ 2018 Sirius Metais - Política de Privacidade | Mapa do Site | Catálogo Virtual

Agência FG - Uma Agência Full Service que Faz Acontecer!