ArcelorMittal: investimentos e aumento na produção de aço

A unidade da ArcelorMittal Tubarão, no Espírito Santo, encerra 2017 com produção de 7,2 milhões de toneladas de aço em placas e bobinas a quente.

 

A empresa planeja mais investimentos para os próximos anos. Só em 2018 a unidade de Tubarão prevê investimentos na casa de U$ 60 milhões no processo produtivo da aciaria.

 

Outros projetos também fazem parte do planejamento, como um segundo Laminador de Tiras a Quente (LTQ) e a inclusão de uma linha de laminados de tiras a frio e galvanização, processos que são realizados na unidade da ArcelorMittal Vegas, em Santa Catarina.

“Nós fizemos as projeções que estamos vendo de mercado até 2030 e até lá nós vamos precisar de um novo laminador de tiras a quente aqui no Brasil. A ideia é de que lá para 2030 ou até um pouquinho antes, a gente coloque um segundo LTQ aqui em Vitória, e uma linha de laminados de tiras a frio e uma de galvanização”, informou o presidente Benjamin Baptista Filho.

 

Além da visão de futuro, o presidente da unidade de Tubarão traçou um panorama do setor, ponderou que o ano surpreendeu positivamente e demonstrou mais otimismo para o cenário político-econômico em 2018.

 

“As vendas das produtoras de aço no Brasil cresceram em relação ao ano passado acima de 1%. Mas, para o ano que vem, o Instituto Aço Brasil está prevendo que as vendas internas cresçam 4,2%, ficando em 17,4 milhões de toneladas”, disse Baptista Filho.

Faça seu comentário

Copyright @ 2018 Sirius Metais - Política de Privacidade | Mapa do Site | Catálogo Virtual

Agência FG - Uma Agência Full Service que Faz Acontecer!