Análise de mercado

Atualmente como Presidente da Associação Brasileira da Construção Metálica (Abcem) e da empresa Medabil, também no ramo do aço, César Bilibio é um dos empresários de maior sucesso e influência no mercado de construção metálica no país.

 

A Abcem congrega em todo o Brasil fabricantes de coberturas e estruturas em aço, bem como empresas do setor que atuam engenharia, arquitetura e demais ramos da construção metálica. Já a Medabil atua com soluções construtivas em metal por todo o país.

 

A história de César mostra e comprova que a superação é um dos grandes desafios que a vida pode proporcionar. Ele é o primogênito do empresário e ex-presidente da Medabil, Attilio Bilibio, que faleceu em um acidente aéreo no Aeroporto de Congonhas, em 2007. Desde então, César herdou as principais ocupações do pai e conseguiu com sucesso levar a Medabil a grandes resultados nos últimos anos. Hoje a empresa é uma das líderes do mercado em seu segmento.

 

O cargo de Presidente da Abcem é bem mais recente que suas ocupações na Medabil, entretanto, mesmo em pouco tempo ele tem trabalhado com ideias e soluções para manter o mercado de forma mais sólida e constante.

bilibio

Como o senhor avalia o mercado do aço para esse e os próximos anos?
O ano começou sem nenhuma surpresa e, por isso, será mais um ano difícil da construção em geral. O momento atual atingiu toda a cadeia do aço, deixando diversos projetos em stand by. O que vemos agora é um momento de queda, mas com expectativas que as questões políticas se resolvam e com isso o crescimento para 2017 e 2018 seja muito acima das previsões atuais.

 

O que as empresas tem feito para buscar algo diferente para contornar a crise?

A crise nos faz pensar, refletir. Medidas antes ditas impossíveis começam a se tornar viáveis. Os nossos setores começam a olhar pra dentro, e com isso, passam a buscar produtividade onde não tinham. Setores que possuem cadeias voltadas para a exportação conseguem ter ainda mais oportunidades.

 

Como tem sido para a Abcem? Houve a necessidade de alterar objetivos e planos de ação?
A Abcem tem trabalhado com várias linhas de frente. Uma delas é trabalhar junto com as demais entidades para desenvolver mais o uso do aço. Estamos fazendo isso, por exemplo, atuando junto a faculdades para fortalecer a cadeia do aço preparando melhor os futuros engenheiros e arquitetos. Com isso, teremos mais profissionais aptos a trabalhar com o uso do aço para o futuro. Essa ação é realizada em conjunto com o Centro Brasileiro da Construção em Aço (CBCA).

 

Outro ponto que temos trabalhado forte é na qualificação das empresas. Estamos implantando um ‘Selo de Excelência Abcem’. Nós precisamos ter um produto que não vai denegrir a imagem do mercado e, por isso, criamos esse selo para que possamos desenvolvê-lo e fortalecê-lo. Além disso, estamos atraindo para a Abcem outros setores, como o steelframe, por exemplo.

 

Para ler a entrevista completa, CLIQUE AQUI!

Faça seu comentário

Copyright @ 2018 Sirius Metais - Política de Privacidade | Mapa do Site | Catálogo Virtual

Agência FG - Uma Agência Full Service que Faz Acontecer!